Turismo em Carmelo

Carmelo é uma das cidades com maior história no Uruguai, fundada por Artigas no ano 1816. A zona era já conhecida por Hernandarias em 1611, quando desembarcou um carregamento de gado na desembocadura do “Arroyo de las Vacas”. Esta fascinante riqueza histórica e a serenidade de seu entorno natural são os principais atributos de Carmelo, hoje uma localidade de 22 mil habitantes, a segunda do departamento de Colonia.

Carmelo conta com uma qualificada oferta de hospedagem, incluindo um dos resorts mais luxuosos do país. A cidade se encontra no cruzamento das Rodovias 21 e 97 e 76 quilômetros de Colonia do Sacramento e a 236 quilômetros de Montevidéu.

Atrativos de Carmelo

A ponte “Puente Giratorio” sobre o Arroyo de las Vacas é o gram símbolo da cidade, inaugurado em 1912. Trata-se de uma celebrada obra de engenharia, ao permitir a passagem das embarcações através do giro manual, usando somente a força humana. Junto à ponte se construiu, em 1930, a chamativa “Rambla de los Constituyentes” que conduz ao porto em um romântico passeio. Há interessantes monumentos como o “León de Carmelo” (dedicado ao famoso ciclista Atilio François) ou a “Fuente de las Tentaciones”.

O Carmelo Rowling Club, junto à ponte, é uma das instituições esportivas mais tradicionais de Carmelo. Os esportes náuticos têm arraigo na localidade, que conta com um excelente cais e Club de Yates sobre o Arroyo de las Vacas. Aqui os navegantes desfrutam de todos os serviços e condições para realizar sua atividade. Também há uma zona de camping com muitas árvores e churrasqueiras para fazer um típico churrasco ao ar livre.

Durante o verão, as praias fluviais de Carmelo recebem numerosas visitantes. As praias de Seré e Zagarzazú são as mais visitadas e tem variedade de casas para alugar e belos bares próximos do mar.

 

O centro da cidade se estende em torno a Praça Independencia, onde se encontram comércios, passeios culturais e edifícios históricos. Entre os lugares para visitar estão a “Casa de la Cultura” na antiga residencia de Ignacio Barrios, edificada em 1845 (no cruzamento das Ruas Ignacio Barrios e 19 de Abril). A primeira igreja da cidade, o Templo del Carmen, data de 1830 e se situa frente a Praça Artigas, a primeira da cidade. Nesta praça há uma estatua do herói nacional Artigas, construída em 1916, comemorando o centenário da cidade.

Nos arredores de Carmelo há vários passeios interessantes para realizar. A quatro quilômetros se encontra o Cerro de Carmelo e suas famosas canteiras, de onde se extrai granito para os calçamentos da cidade. Muitos aventureiros praticam mergulho nas águas das canteiras, que formam um precioso panorama.

Sobre o Arroyo de las Víboras, a 9 quilômetros da cidade, se encontra a ponte “Puente Castells” (mais conhecida como Puente Camacho), o histórico lugar onde se cobrou o primeiro pedágio da historia uruguaia.

A 13 quilômetros de Carmelo pela Rodovia 21 se encontra a “Calera de las Huérfanas”, uma missão jesuítica do século XVIII da que ainda se preservam os muros perimetrais. La Calera está na chamada Estancia Belén ou de las Vacas. No quilômetro 263 da Rodovia 21 há outro tesouro histórico: a Estancia de Narbona. No lugar estão os restos de uma capela construída em 1732, que é o edifício mais antigo do país.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*